Chuva forte interdita estradas no Oeste e deixa cidades embaixo d’água em SC

Facebook
Twitter
LinkedIn

As fortes chuvas que atingem Santa Catarina nesta quinta-feira, dia 2, causaram o transbordamento de rios, deixaram famílias ilhadas e alagaram casas. As principais ocorrências são no Oeste do Estado. Além disso, uma rodovia, que faz a ligação entre o território catarinense e o Rio Grande do Sul, foi interditada após um deslizamento de terra.

Nos municípios de Jardinópolis, Quilombo e São Domingos, moradores foram surpreendidos com a chuva que fez os rios transbordarem durante a madrugada. Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, alguns pontos registraram uma precipitação de 114 mm em menos de 12 horas.

Casas ficaram alagadas, carros foram arrastados e pontes ficaram completamente cobertas pela água. Além disso, famílias foram resgatadas após ficarem ilhadas.

Em Quilombo, as ruas ficaram inundadas e quatro pessoas foram resgatadas. Em Maravilha também houve o resgate de famílias por conta da chuva.

Também no Oeste do Estado, a SC-480, que liga Santa Catarina ao Rio Grande do Sul, foi interditada por conta de um deslizamento de terra. Mais de 100 metros da via foi tomada pela lama, árvores e pedras. Ninguém ficou ferido. A previsão, segundo a Defesa Civil, é de que a pista seja liberada em dois dias.

Em São Miguel do Oeste, um deslizamento de terra causou a queda do muro de uma casa no Centro da cidade. Os moradores da residência foram orientados pelo Corpo de Bombeiros Militar a deixar o local. Além disso, os veículos de um comércio, que ficava ao lado do imóvel, também foram retirados devido ao risco de novos deslizamentos.

Segundo a Defesa Civil, a formação de uma frente fria, associada a um ciclone extratropical entre o Rio Grande do Sul e o Uruguai, deve provocar temporais com raios, rajadas de vento, eventual queda de granizo e chuva intensa em Santa Catarina, entre quinta (2) e sexta-feira (3).

Nesta quinta, os temporais e a chuva se concentram no Grande Oeste e nas áreas de divisa com o Rio Grande do Sul, mas na madrugada e manhã de sexta se espalham para as demais regiões do Estado. Deve chover acumulados de até 110 mm, com pontuais podendo ficar acima dos valores previstos.

Além disso, o risco é muito alto para deslizamentos, principalmente no Oeste, Meio-Oeste, Planalto Norte, Serra, Alto Vale do Itajaí, Vale do Itajaí , Litoral Norte e Grande Florianópolis.

Fonte:
NSC

Veja também

Adicionar o seu comentário

3 + dezoito =

Em 2002, através de um sonho e um grande desejo que existia no coração de um grupo de pessoas e entidades, lideres juntaram as forças e se reuniram com um único objetivo: montar uma Rádio Comunitária na Cidade de Concórdia.
Este sonho se tornou realidade e hoje a Rádio 104FM se consolida no meio de comunicação e tem o seu papel fundamental na comunidade local e em toda a região.
Sempre com o intuito de levar para a comunidade programação de qualidade, música e informação, é atribuída a ela o título de “A Rádio Mais querida da Cidade”.

CONTATO