Fogo atinge distribuidora de combustíveis em Chapecó e causa interdição da SC-480

Facebook
Twitter
LinkedIn

A empresa MaxSul foi atingida por um incêndio de grandes proporções no início da manhã desta segunda-feira, dia 13, em Chapecó. As chamas começaram por volta das 6h30 e levaram a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) a interditar o trânsito na SC-480 por medida de segurança, mas a pista foi liberada parcialmente no sistema “pare e siga”, mas sem previsão de liberação total. Ninguém se feriu.

Equipes do Corpo de Bombeiros da região trabalham desde as primeiras horas da manhã para combater as chamas, que atingem altas labaredas. A fumaça preta atingiu centenas de metros de altura e pode ser vista a vários quilômetros do local. As tubulações dos quatro tanques em chama se romperam, informou o Corpo de Bombeiros no início da tarde de hoje, com o vazamento dos combustíveis.

As chamas atingem tanques que armazenam etanol, gasolina e óleo diesel. Populares próximos relatam que são ouvidas explosões no local. Chove forte em Chapecó e as equipes seguem mobilizadas no combate.

 

Bombeiros estimam até 2 milhões de litros de combustíveis em tanques em chamas

Segundo o Corpo de Bombeiros, 15 caminhões estão empenhados no trabalho, com apoio de veículos da própria empresa e outras unidades privadas. Ainda conforme a equipe, os tanques em chama armazenam entre um milhão e meio e dois milhões de litros de combustíveis.

 

Panorama geral da ocorrência

O Corpo de Bombeiros divulgou por volta das 10 horas da manhã de hoje uma nota oficial sobre o atendimento da ocorrência. O incêndio se concentra em uma célula com quatro tanques. São 35 bombeiros trabalhando no local. “O calor é muito intenso nas células dos tanques onde está queimando e devido a isso, as equipes estão atuando no resfriamento dos tanques que estão mais próximos e que ainda não foram atingidos pelo fogo”, diz o texto.

 

Leia a nota na íntegra:

Panorama geral da ocorrência de incêndio no depósito da Maxsul no Município de Chapecó-SC.

No momento temos uma célula com 04 tanques com diesel, gasolina e álcool acometidas pelo fogo. São cerca de dois milhões de litros de combustíveis nessas células.

Estamos agora com cerca de 35 bombeiros atuando e 15 caminhões, sendo caminhões do Corpo de Bombeiros Militar, do Bombeiro do Aeroporto e caminhões de empresas privadas, sendo da própria empresa envolvida na ocorrência e caminhões de empresas que vieram auxiliar na ocorrência.

No momento, o calor é muito intenso nas células dos tanques onde está queimando e devido a isso, as equipes estão atuando no resfriamento dos tanques que estão mais próximos e que ainda não foram atingidos pelo fogo.

Está sendo utilizado água e espuma (com líquido gerador de espuma), porém a nossa capacidade de geração de espuma não atende a demanda necessária para a extinção de incêndio no momento.

Vamos continuar atuando aqui para conseguir resolver essa ocorrência da forma mais rápida possível.

 

Fonte:
Oeste Mais

Veja também

Adicionar o seu comentário

quatro × 5 =

Em 2002, através de um sonho e um grande desejo que existia no coração de um grupo de pessoas e entidades, lideres juntaram as forças e se reuniram com um único objetivo: montar uma Rádio Comunitária na Cidade de Concórdia.
Este sonho se tornou realidade e hoje a Rádio 104FM se consolida no meio de comunicação e tem o seu papel fundamental na comunidade local e em toda a região.
Sempre com o intuito de levar para a comunidade programação de qualidade, música e informação, é atribuída a ela o título de “A Rádio Mais querida da Cidade”.

CONTATO