NO AR AGORA!

Bom Dia Concórdia

08:00 11:30

PM realiza Operação Maria da Penha para combater violência doméstica

Publicado em 27 de agosto de 2021

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) realiza até o dia 20 de setembro de 2021 a Operação Maria da Penha. O objetivo é dar maior ênfase ao trabalho que a PMSC já realiza diariamente, que é enfrentar a violência doméstica e familiar contra a mulher. A operação estará focada na intensificação das ações da Rede Catarina de Proteção à Mulher e no atendimento adequado aos casos emergenciais, prevenindo, através do atendimento pelo telefone 190 ou pelo aplicativo PMSC Cidadão (disponível nas lojas de aplicativos IOS e Android). Além disso, a PMSC estará realizando um trabalho efetivo de orientação para que diminuam os casos de reincidência e/ou maior gravidade, além de fomentar nas instituições envolvidas a importância do atendimento integral, padronização e formalização das ações relacionadas à violência contra a mulher, proporcionando melhorias na sua eficiência e na qualidade do atendimento.

“Pretendemos intensificar o acompanhamento das medidas protetivas de urgência das mulheres assistidas pelos programas de prevenção à violência doméstica e familiar desenvolvidos no âmbito da PMSC. Computar nacionalmente o atendimento emergencial de casos de violência doméstica no período da operação, para fins de diagnóstico e fomento à política pública de atendimentos emergenciais”, afirmou o comandante-geral da PMSC, coronel Dionei Tonet.

O subcomandante-geral da PMSC, coronel Marcelo Pontes, informou que as ações da PMSC durante a operação estarão voltadas de forma mais intensa à proteção da mulher por intermédio das patrulhas Maria da Penha.

A coordenação da operação será realizada através da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública com o apoio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres (SNPM) do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, do Conselho Nacional dos Comandantes-Gerais das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (CNCG), do Conselho Nacional de Justiça e do Conselho Nacional do Ministério Público com o apoio da Polícia Militar de Santa Catarina.

Atualmente na área do 26°BPM são atendidos pelo programa Rede Catarina 07 municípios, entre eles Joaçaba, Herval d’ Oeste, Luzerna, Treze Tílias, Ibicaré, Água Doce e Erval velho. São assistidas pelo programa no momento 43 mulheres que também tem acesso ao botão do Pânico através do aplicativo PMSC Cidadão.

FONTE CACO DA ROSA


Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Current track
Título
Artist